Browsing Tag

Inscrições

Enem 2019

Enem 2019: Inscrições e Informações importantes

27 de novembro de 2018

Enem 2019: Inscrições e informações importantes, pois o candidato deverá ficar atento aos detalhes referentes ao Exame Nacional do Ensino Médio, que garante acesso ao ensino superior brasileiro e português.

Para que serve o Enem?

Enem 2019: Inscrições e informações importantes

Inscrições Enem 2019

Na segunda-feira, dia 6 de maio serão iniciadas as inscrições, neste link,  para o exame nacional, que envolve milhares de jovens. Elas serão encerradas no dia 19 de maio de 2019, cuja taxa é de R$ 82,00. O pagamento deverá ser efetuado até 23 de maio. Veja como fazer sua inscrição.

Acesse para verificar o prazo para requerer a utilização do nome social

Isenção da Inscrição Enem 2019

Os alunos matriculados no terceiro ano do ensino médio, das escolas públicas continuarão recebendo o benefício automaticamente, no entanto houve mudanças para a solicitação da isenção dos candidatos de baixa renda. Veja abaixo as mudanças:

A partir da edição 2017 foi preciso estar inscrito no Cadastro Único do governo federal (CadUnico), utilizado para o acesso a programas sociais como o Bolsa Família, a depender da faixa de renda declarada ao pedir a isenção.

Além destes, estudantes que se enquadram Lei nº 12.799/2013; que determina isenção em processos seletivos de instituições federais, também poderão requerer o benefício. Veja como solicitar a isenção no Enem.

Ausências de quem for isento da taxa – Quem faltar em 2019, terá que pagar em 2020, salvo se apresentar atestado médico ou uma outra comprovação que justifique sua ausência.

Candidatos Treineiros Enem 2019

Os candidatos treineiros poderão fazer a inscrição e a prova, desde que informe sua condição no momento da inscrição para o exame nacional. Veja quem é considerado Treineiro pelo Inep.

Certificação do Ensino Médio

O Enem não certificará mais o Ensino Médio. A certificação será pelo Encceja. Conheça mais o Exame e quando sairá o Edital.

Provas Enem 2019

A aplicação do Enem de 2019 será, provavelmente, nos dias 3 e 10 de novembro, conforme edital de regulamentação normativa publicada no Diário Oficial da União pelo Inep.  Veja o que é cobrado no Enem.

Veja o que fazer e levar no dia das provas Enem 2019

Leia sobre as ações de Segurança do Enem

Os cadernos de questões serão personalizados

Atendimento Especializado Enem edição 2019

Os candidatos que necessitarem de atendimento especializado deverão requerê-lo no momento da inscrição para o Exame Nacional.

Atendimento para candidatos surdos

Provas em Libras

Tempo Adicional Enem 2019

Além do vídeo da prova em Libras para candidatos surdos, o atendimento especializado também trará outra mudança.

A partir de 2019 o tempo adicional, recurso exclusivo de participantes deficientes ou com outra condição especial; não poderá mais ser solicitado na hora da prova, somente no ato do preenchimento do formulário de inscrição online.

Nesta opção o candidato que tiver a solicitação indeferida por duas vezes terá seu pedido de tempo adicional retirado.

Cartão de Confirmação da Inscrição Enem 2019

O Cartão de Confirmação da Inscrição contém: número de inscrição; data; hora; local de realização das provas; indicação do(s) atendimento(s) (se for o caso) e opção de língua estrangeira.

O Cartão de Confirmação da Inscrição estará disponível na Página do Participante, após divulgação pelo Inep. É recomendado a todos os Participante que tenham em mãos o documento em mãos nos dois dias de aplicação do Exame.

O MEC não enviará o documento ao Participante, que deverá acessá-lo e imprimi-lo em momento oportuno, que será disponibilizado pelo MEC.

Declaração de comparecimento ao Enem 2019

Os candidatos que precisarem da declaração de comparecimento para o trabalho não mais poderão obter o documento no local da prova.

O interessado deverá imprimir a solicitação antes, pela página do Inep na internet, e levá-la preenchida para a assinatura do coordenador da prova.

Resultado Enem 2019

O Enem 2019 será divulgado em 23 de janeiro de 2020 e continuará oferecendo resultados por área de conhecimento, individual de cada participante; e para seleção de candidatos referentes ao programas governamentais que são Sistema de Seleção Unificada (Sisu), Financiamento Estudantil (Fies) e Universidade para Todos (ProUni), entre outros.

Acesse outras informações importantes referentes ao Enem e Sisu:

Notas do corte por área de conhecimento;

– Consulte a concorrência Sisu edição 2017;

– Consulte possíveis temas para Redação do Enem.

– Veja Redações  notas mil no Enem.

– Acesse Redações nota 1000 Enem 2016.

Acesse outros vestibulares que estão disponíveis para 2019.

Conheça as Universidades e Institutos Federais de Educação que utilizam o Sisu para ingresso em seus diversos cursos.

Fies

Fies 2018 Inscrições disponíveis a partir de 19 de fevereiro

2 de janeiro de 2018

Fies 2018: Inscrições disponíveis a partir de 19 de fevereiro referentes ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para o primeiro semestre de 2018. Elas poderão ser realizadas, até o dia 23 de fevereiro, no site do programa (http://fiesselecao.mec.gov.br).

A partir desta edição, o financiamento funcionará sob novas regras, que foram publicadas no Diário Oficial da União de sexta-feira, 29 de dezembro.

Requisitos Fies 2018

Abaixo os requisitos para o Financiamento Estudantil:

-Ter participado do Enem a partir da edição de 2010 e obtido média aritmética das notas nas provas igual ou superior a 450 (quatrocentos e cinquenta) pontos e nota na redação superior a 0 (zero).
-Possuir renda familiar mensal bruta per capita de: a) até 3 (três) salários mínimos, na modalidade de financiamento do Fies; b) até 5 (cinco) salários mínimos, na modalidade de financiamento do P-Fies.

Fies 2018

Abaixo as mudanças aprovadas pelo Congresso:

Fies 1 (sucessor do atual modelo)

-Para estudantes com renda familiar de até 3 salários mínimos per capita
-Taxa de juros real igual a zero;
-Extinção da carência de 18 meses após o fim do curso e o estudante terá que começar a pagar assim que se formar;
-Os recursos virão de um Fundo Garantidor, mantido obrigatoriamente pelas faculdades, que terão que fazer aportes proporcionais à sua taxa de inadimplência. A União está autorizada a colocar até R$ 3 bilhões nesse fundo. O texto-base previa que a União não poderia fazer aportes adicionais, mas esse trecho foi retirado do projeto.

Fies 2 (nova modalidade)

-Para estudantes com renda familiar de até 5 salários mínimos per capita;
Taxas de juros usadas para empréstimos dos fundos regionais, hoje na ordem de 2,5% a 3%;
-Os recursos virão de bancos regionais do Norte, Nordeste e Centro-Oeste e os fundos constitucionais de financiamento dessas regiões. Os empréstimos serão geridos por esses bancos;
-Os financiamentos só poderão ser concedidos nessas regiões. Objetivo é diminuir as desigualdades regionais.

Fies 3 (nova modalidade)

-Para estudantes com renda familiar de até 5 salários mínimos per capita;

-Recursos serão provenientes do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Os contratos serão geridos por bancos privados;

-Financiamentos poderão ser concedidos para estudantes de todo o país.

Sisu 2018

Inscrições Sisu 2018 a partir de 23 de janeiro

8 de dezembro de 2017

Inscrições Sisu 2018 a partir de 23 de janeiro até 26 de janeiro, referentes ao Sistema de Seleção Unificada; que utiliza as notas do Enem para ingresso nas universidades e instituto federais de educação.

Edital Sisu 2018

O MEC disponibilizou as regras e as datas para realização das inscrições no processo seletivo da primeira edição de 2018 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu); ferramenta pela qual universidades públicas oferecem vagas a candidatos do Exame Nacional de Ensino Médio (Enem). O edital Sisu 2018 foi publicado nesta sexta-feira, 8 de dezembro, no Diário Oficial da União (DOU).

Inscrições Sisu 2018

As inscrições serão feitas exclusivamente pela internet, por meio da página eletrônica do Sisu, e os interessados podem se candidatar no período de 23 a 26 de janeiro; observando o horário oficial de Brasília.

Sisu 2018: Vagas oferecidas

Poderão concorrer às vagas estudantes que tenham realizado o Enem 2017 e obtido nota acima de zero na prova de redação. No total, são 239.601 vagas de graduação. Dessas, 103.897 são reservadas para a Lei de Cotas, destinadas especificamente a negros, pardos, indígenas e pessoas com deficiência.

Sisu 2018: Universidades

Para 2018, 130 instituições de ensino superior ofertarão vagas no Sisu. Dessas, 30 são instituições públicas estaduais, que envolvem centros universitários (1), faculdades (7) e universidades (22); e 100 são públicas federais, com centros de educação tecnológica (2), faculdades (1), institutos federais de educação, ciência e tecnologia (36) e universidades (61).

Serão abertos dois processos seletivos referentes ao Sisu. O primeiro, com inscrições no final de janeiro de 2018, distribuirá vagas para o primeiro semestre letivo das instituições. O segundo, com inscrições no final de maio, será destinado ao preenchimento de vagas para o segundo semestre letivo das universidades e institutos federais participantes.

Sisu 2018: Termos de Adesão das Universidades

As Universidades e Institutos já divulgaram os respectivos termos de adesão que definem cursos, vagas, modalidades de vagas, turnos, notas mínimas e pesos das áreas do Enem. Acesse os termos de adesão das universidades e institutos federais de educação.

 

Sisu 2018

Sisu 2018: Inscrições

22 de novembro de 2017

Sisu 2018: Inscrições referentes ao Sistema de Seleção Unificada, que garante ingresso nas universidades e institutos federais de edução.

Sisu 2018: Inscrições

Abaixo informações relativas às inscrições e os critérios para realização delas:

-Poderá se inscrever o estudante que participou da edição de 2017 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e que tirou nota acima de zero na prova de redação.

-O estudante poderá se inscrever em até duas opções de vaga e, no ato, deverá incluí-las em ordem de preferência.

As inscrições serão realizadas na página do MEC, após a divulgação do Resultado do Enem, no período de 23 a 26 de janeiro de 2018.

Sisu

O Sisu ocorre em duas edições em cada ano. O MEC determina o período para as inscrições durante o qual o candidato poderá:

– Inscrever-se em até dois cursos ofertados pelas universidades participantes (primeira e segunda opção);

– Alterar suas opções quantas vezes quiser durante o prazo de inscrições no sistema.

Ao final da etapa de inscrições, o Sisu convocará os candidatos que tiverem melhor classificação em cada curso, por modalidade de concorrência, conforme a nota do Enem 2017.

Caso a nota do candidato permita convocação nas duas opções de vaga, ele será selecionado para a sua primeira opção.

Nota de corte Sisu

Conforme informações do Mec, ao longo do prazo de inscrições; o Sisu calculará a nota de corte para cada curso uma vez ao dia.

O cálculo toma como base o número de vagas disponíveis e o total dos candidatos inscritos naquele curso, por modalidade de concorrência.

A nota de corte válida será aquela registrada no último dia de inscrições. Até o fechamento delas, o candidato poderá optar por mudar de cursos ou universidades.

Modalidades de concorrência Sisu

O candidato poderá escolher se concorre às vagas de “ampla concorrência”, às vagas reservadas de acordo com a Lei de Cotas (Lei nº 12.711/2012); ou às vagas destinadas para as demais políticas afirmativas de cada instituição. Acesse as principais modalidades de concorrência e vagas.

Percentual da reserva de vagas Lei de Cotas

De acordo com o MEC, todas as universidades que participam do Sisu reservaram, pelo menos, 37,5% das vagas para estudantes que cursaram o ensino médio em escolas públicas. Até 2016, as instituições deverão atingir o percentual de 50% de vagas reservadas.

Nota mínima Enem Sisu

Há duas formas, primeiro, será vetada a participação de candidatos que tenham zerado a redação. Em segundo lugar, o MEC esclarece que algumas instituições adotam notas mínimas para inscrição em determinados cursos. Nesses casos, o próprio sistema alertará o candidato durante o processo de inscrição.

Termo de Adesão Sisu

As  notas mínimas para os cursos de graduação são especificadas em cada termo de adesão publicado pela Instituições de Ensino. Elas informam ainda no documento o turno, vagas e pesos das notas do Enem.

Consulte outras informações Sisu

Notas de corte por área de conhecimento;

-Consulte a concorrência Sisu edição 2017;

Acesse as notas de corte Medicina Sisu 2017-1

Consulte as notas de corte Medicina Sisu 2017-2

Enem 2017

Data do Enem 2017

9 de março de 2017

O Ministério da Educação (MEC) divulgou a data do Enem 2017 (Exame Nacional do Ensino Médio, edição 2017).

Data do Enem 2017

As provas serão aplicadas em dois domingos consecutivos: 5 e 12 de novembro. No ano passado, a prova foi aplicada em um fim de semana (sábado e domingo, 5 e 6 de novembro). A modificação integra uma lista de novidades divulgadas pelo Ministério da Educação (MEC) na manhã desta quinta-feira (9).

Mudanças no Enem 2017

-Primeiro domingo terá Linguagens, ciências humanas e redação com cinco horas; no segundo, matemática e ciências da natureza, com quatro horas e meia de prova.

-Cadernos de prova serão personalizados, com nome e número de inscrição na capa e cartão de respostas;

-Passam a ser isentos da taxa de inscrição também quem tiverem cadastro no CadÚnico;

-Não serão divulgados dados do Enem por escola;

-Isentos do pagamento da inscrição que não comparecem perdem direito ao benefício no ano seguinte se a ausência não for justificada;

-Enem não valerá como certificado do ensino médio;

-Solicitação de tempo adicional para atendimento especial deve ser solicitada na inscrição;

-MEC diz que estudantes recusaram, em consulta pública, possibilidade de fazer a prova no computador;

Data do Enem 2017

Data do Enem 2017

A decisão de alterar o esquema de datas do Enem foi decidida após a realização da consulta pública sobre o exame, entre os dias 18 de janeiro e 17 de fevereiro. Dos mais de 600 mil participantes, 63,70% votaram que o Enem deveria ocorrer em dois dias e 36,30% opinaram que deveria ser aplicado em um dia só.

Acesse outras dicas para Redação do Enem:

Acesse redações nota 1000 no Enem;

Veja a Estrutura da Redação do Enem;

-Acesse provas de outras edições do Enem para revisar seus estudos;

-Analise os temas de redações que caíram em outras edições do Enem;

-Dicas para redação nota 1000 no Enem;

-Acesse possíveis temas de redação que poderão ser cobrados na próxima edição do Enem;

-Acesse ainda as competências que são avaliadas na Redação do Enem;

Como se dar bem na Redação do Enem;

Dicas para a Redação do Enem: clareza;

Dicas para a Redação do Enem: coesão;

Dicas para a Redação do Enem: concisão;

Importância da correção gramatical;

Importância da formalidade e uniformidade.

Conheça as Universidades e Institutos Federais de Educação que utilizam o Sisu para ingresso em seus diversos cursos.

Acesse outros vestibulares que estão disponíveis para 2017.