Enem 2016

Enem entenda a correção da Prova

3 de novembro de 2016
Avalie esta postagem

Enem entenda a correção da Prova, pois o Exame Nacional do Ensino Médio envolve a participação de muitos candidatos e muitos deles têm dúvidas sobre a forma de avaliação de cada participante.

Enem entenda a correção da Prova

Veja abaixo algumas dúvidas que os candidatos apresentam em relação às provas do Enem:

Como são calculados os valores das questões? Posso zerar minha nota do Enem? Se eu chutar e errar, minha pontuação diminui?

Como é a forma de correção das provas do Enem?

De acordo com o INEP, o sistema estatístico usado pelo Enem tem o objetivo de medir o conhecimento do participante de maneira precisa. Para isso, ao contrário dos vestibulares tradicionais; as notas são calculadas levando em conta a dificuldade de cada questão, também chamada de item; além da quantidade de acertos pelos candidatos.

Ainda conforme o Inpe, a TRI, que é a Teoria de Resposta ao Item, considera, em cada questão; três parâmetros que são dificuldade, discriminação e acerto casual; que são utilizados para, em linhas gerais; ponderar o impacto de cada questão acertada ou errada pelo respondente em sua pontuação na escala de conhecimento. Esse conhecimento é identificado a partir da análise do perfil de respostas do participante ao conjunto questões aplicadas.

O objetivo da TRI é evitar que o candidato consiga se valer do fator sorte na hora de responder as 180 questões da prova. Assim reforça-se a cultura de que o importante é uma boa preparação para a prova, uma leitura calma, concentrada das questões e uma reflexão consistente na hora de respondê-las. Chute não terá lugar na prova do Enem.

De forma prática, uma pergunta que teve baixo índice de acertos é considerada difícil e; por isso, tem mais “peso” na pontuação final. Já aquelas que têm alto índice de acertos são classificadas como fáceis e contam menos pontos na nota final do candidato.

De acordo com essa estrutura de de correção é praticamente impossível zerar a nota do Enem; mesmo que o candidato deixe a prova em branco ou erre todas as questões, apenas a redação pode ser zerada.

Conforme o Inep, isso acontece porque as questões do Enem não possuem a mesma pontuação. Existem notas mínimas, que nunca partem do zero; e máximas para cada área do conhecimento.

As notas dependem do grau de dificuldade do conjunto de perguntas. Ao final do exame, o Inep, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, desenvolve uma escala “de conhecimento” a partir das respostas obtidas. Com isso, ele calcula as notas mínimas e máximas de cada área da prova do Exame Nacional.

Resposta errada não diminui pontuação na prova do Enem

Ao contrário que alguns candidatos pensam, errar questões no Enem não faz o candidato perder pontos. Por isso, mesmo que o acerto tenha um chute, a questão contribuirá com o resultado final. Todo acerto aumenta a nota na prova. Mas é importante lembrar que o acerto casual, o famoso chute, diferencia o resultado final do desempenho dos participantes junto ao Exame Naciona.

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply