Browsing Tag

Edital Enem 2017

Enem 2017: Cronograma das inscrições

10 de abril de 2017

Enem 2017: Cronograma das inscrições para o Exame Nacional, que abre as portas das universidades públicas brasileiras e portuguesas.

Enem 2017: Cronograma das inscrições

-Prazo de inscrição: Terá início no dia 8 de maio e será encerrado às 23h59 de 19 de maio, na Página do Participante. Acesse como fazer sua inscrição para o Enem 2017.;

-Taxa de inscrição subiu de R$ 68 para R$ 82;

-Boleto terá vencimento no dia 24 de maio;

O valor da inscrição passa a ser de R$ 82. O aumento corrige o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) não aplicado nos últimos anos.

Estão isentos do pagamento da taxa: estudantes de escolas públicas concluintes do ensino médio em 2017; participantes carentes, de acordo com o CadÚnico (Dec. nº 6.135/2007); estudantes que se enquadrarem às exigências da Lei nº 12.799/2013.

Provas Enem 2017

A redação será aplicada:

-No primeiro dia de provas, 5 de novembro, juntamente com Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Ciências da Humanas e suas Tecnologias. Com isso, o primeiro dia passa ter a maior duração: 5 horas e 30 minutos.

-No segundo dia, 12 de novembro, com 4 horas e 30 minutos de duração, serão aplicadas as provas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias.

Segurança Enem 2017

Além de todos os instrumentos já adotados, o Inep estreia mais um item de segurança nesta edição: Cadernos de Questões personalizados com nome e número de inscrição do participante; o que facilitará a identificação de possíveis fraudadores. Os Cadernos de Questões seguirão tendo cores diferentes, mas não será mais necessário assinalar a cor correspondente no Cartão Resposta.

O participante seguirá tendo que transcrever a frase de segurança do Caderno de Questão para o Cartão Resposta. O Cartão Resposta vira encartado no Caderno de Questões.

Atendimento Especializado Enem 2017

Conforme informações do MEC, um novo recurso de acessibilidade começa a ser oferecido, em caráter experimental, no Enem 2017. Os participantes surdos ou deficientes auditivos poderão participar de aplicação experimental de um dispositivo em vídeo contendo questões traduzidas em Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Outra novidade é em relação ao tempo adicional, que não poderá mais ser solicitado na hora da prova, mas apenas no ato da inscrição. O recurso é uma exclusividade de participantes deficientes ou com outra condição especial.

Atendimento Específico Enem 2017

A inclusão da opção Outra Condição Específica é outra novidade e contemplará participantes que não se enquadram nos requisitos necessários ao  atendimento especializado, mas precisam de algum recurso para a prova, considerando um rol de CID´s.

Com provas apenas nos domingos, deixará de ser oferecido o atendimento específico para sabatistas, participantes que guardam o sábado por questões religiosas.

Laudos

A inserção de laudo comprobatório que motivou a solicitação de atendimento especializado deverá ser feita no ato da inscrição. O resultado da análise do laudo deverá ser consultado na Página do Participante.

Em caso de indeferimento, o Inep comunicará ao participante para o envio de um novo documento. O participante terá três dias para inclusão de um novo documento (recurso) para análise. Em caso de indeferimento, será retirada a solicitação de tempo adicional.

O participante com transtorno global do desenvolvimento (dislexia, discalculia e déficit de atenção) que não tiver laudo médico comprobatório poderá apresentar declaração ou parecer com o nome completo do participante; emitida por entidade ou profissional habilitado na área da saúde, com a descrição do transtorno; bem como a identificação da entidade ou profissional declarante, com assinatura e carimbo.

Em caso de indeferimento de solicitações exclusivas de atendimento para dislexia, interprete de libras e discalculia, que não inclua solicitação de tempo adicional, será retirado todo o atendimento solicitado, devido à correção diferenciada da redação.

Ausência Enem

O participante que obtiver a isenção do pagamento da taxa de inscrição do Enem 2017 e não comparecer para a realização das provas nos dois dias de aplicação; e desejar solicitar nova isenção do pagamento da taxa de inscrição para o Enem 2018, deverá justificar sua ausência no sistema de inscrição de 2018.

A justificativa deverá ser realizada, obrigatoriamente, mediante a inserção de atestado médico, documento judicial, certidão pública ou boletim de ocorrência que comprove e justifique a ausência no Exame. Não será aceita declaração emitida pelo próprio participante.

Critérios para isenção

O participante que estiver concluindo o Ensino Médio na rede pública de ensino em 2017 terá isenção automática da taxa de inscrição. Outros dois critérios de isenção; e que devem ser solicitados, são baseados no Decreto  6.135/2007; sobre o cadastro de famílias de baixa renda junto ao CadÚnico; e a Lei 12.799/2013, sobre a isenção da taxa de inscrição em processos seletivos de instituições federais de ensino superior.

No caso de opção pelo Decreto, o participante deverá indicar se está ou não inscrito no CadÚnico. Se está no cadastro, deverá inserir seu NIS ou declarar que está cadastrado.

Caso ainda não possua o número do NIS, o sistema disponibilizará uma declaração. Para quem informar o NIS o sistema fará as seguintes validações: se o NIS for encontrado a carência será deferida. Se o NIS for encontrado, mas é de outra pessoa ou já tiver sido utilizado, o sistema apresentará a mensagem “NIS cadastrado para outra pessoa no CadÚnico”.

Se o NIS não for encontrado ou for inválido, o participante receberá a mensagem “NIS não localizado”. Se o NIS for encontrado, mas for de pessoa não carente de acordo com o decreto, aparecerá a opção “Gerar GRU”. Para quem informar não ter o cadastro no CadÚnico o sistema gerará a GRU para o pagamento. A validação do NIS deverá ser feita de acordo com os dados da Receita Federal e os dados do CadÚnico.

No caso de opção pela Lei, a carência será concedida a partir da validação das informações prestadas pelo participante no questionário socioeconômico.

Maiores informações poderão ser adquiridas no Edital do Enem.

Dicas de Estudo Enem e Vestibulares:

–Dicas de Estudo para Biologia;

–Dicas de Estudo para Física;

–Dicas de Estudo para Química;

–Dicas de Estudo para Matemática;

-Dicas Ciências da Natureza;

-Dicas Barragem de Mariana;

-Acesse o que é cobrado no Enem;

-Como é a correção da Redação do Enem?

-Acesse possíveis temas da redação do Enem;

Acesse provas de outras edições do Enem.

Como a Redação do Enem é corrigida?

Notas do corte por área de conhecimento;

-Consulte a concorrência Sisu edição 2017;

Para que serve o Enem?

-Consulte possíveis temas para Redação do Enem.

-Veja Redações  notas mil no Enem.

Conheça as Universidades e Institutos Federais de Educação que utilizam o Sisu para ingresso em seus diversos cursos.

Acesse outros vestibulares que estão disponíveis em várias universidades, centros universitários e faculdades brasileiros.

Edital Enem 2017

9 de março de 2017

Edital Enem 2017, que conterá as principais informações referentes ao Exame Nacional, que  envolve milhares de jovens que buscam uma vaga nas Universidades e Institutos Federais; que selecionam seu candidatos pelo Sisu, Sistema de Seleção Unificada; que se baseia nas notas do Enem para ingresso de calouros.

Edital Enem 2017

O Edital Enem 2017 será publicado no dia 10 de abril e as inscrições acontecerão no período de 8 a 19 de maio, no site do MEC.

Data Enem 2017

A partir desta edição, o Enem será aplicado em dois domingos consecutivos que serão 5 e 12 de novembro; sendo a redação no primeiro dia de realização das provas, conforme dados da consulta pública.

Aplicação das Provas Enem

-No primeiro domingo será Redação juntamente com as provas de linguagem, código e suas tecnologias e ciências humanas e suas tecnologias, com duração de 5 horas e 30 minutos;

-No segundo domingo serão realizadas as provas de matemática e ciências da natureza e suas tecnologias, com 4 horas e 30 minutos de duração.

Outras modificações Enem:

Certificação do Ensino Médio

O Enem deixará de certificar o ensino médio, o que volta a ser feito pelo Exame Nacional de Certificação de Jovens e Adultos (Encceja), que é o exame adequado para esse fim, em uma parceria com estados e municípios.

Segurança

Os participantes receberão cadernos de questões personalizados (identificado com seu nome e número de inscrição), juntamente com os cartões de resposta encartados na prova, com seu nome e número de inscrição. Até 2016, os participantes recebiam o cartão de resposta separado da prova e faziam a identificação com a cor de sua prova. A novidade dos cadernos personalizados reforça a segurança dos quatro cadernos diferentes e identificados por cores.

Resultado Enem

O Enem 2017 será divulgado em 19 de janeiro de 2018 e continuará oferecendo resultados por área de conhecimento, individual de cada participante; e da base consolidada para uso nos programas governamentais Sistema de Seleção Unificada (Sisu), Financiamento Estudantil (Fies) e Universidade para Todos (ProUni), entre outros.

Não será divulgado resultado do Enem por escola. O Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) do ensino médio passará a ser universal e não mais amostral para escolas públicas e privadas. Isso permitirá o cálculo do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) por escola.

Dicas para Redação Enem:

Acesse redações nota 1000 no Enem;

Veja a Estrutura da Redação do Enem;

-Acesse provas de outras edições do Enem para revisar seus estudos;

-Analise os temas de redações que caíram em outras edições do Enem;

-Dicas para redação nota 1000 no Enem;

-Acesse possíveis temas de redação que poderão ser cobrados na próxima edição do Enem;

-Acesse ainda as competências que são avaliadas na Redação do Enem;

Como se dar bem na Redação do Enem;

Dicas para a Redação do Enem: clareza;

Dicas para a Redação do Enem: coesão;

Dicas para a Redação do Enem: concisão;

Importância da correção gramatical;

Importância da formalidade e uniformidade.

Dicas de Estudos Enem e Vestibulares:

Dicas para prova de Ciências Humanas

Dicas para prova de Ciências da Natureza

Desastre Ambiental da Barragem de Mariana

Impactos Ambientais do rompimento da Barragem de Mariana

Dicas de Química para a prova do Enem

Dicas de matemática para a prova do Enem

Questões sobre células-tronco já apareceram no Enem

-Acesse provas de outras edições do Enem para revisar seus estudos.

Conheça as Universidades e Institutos Federais de Educação que utilizam o Sisu para ingresso em seus diversos cursos.

Acesse outros vestibulares que estão disponíveis para 2017.

Enem consulta pública disponível

3 de fevereiro de 2017

Enem consulta pública disponível referente às mudanças relativas ao Exame Nacional do Ensino Médio, alcançou a marca das 225 mil respostas, às 17h desta quinta-feira, 2 de fevereiro.

As perguntas, abertas em 18 de janeiro, ficarão disponíveis até 10 de fevereiro, no site do Inep.

Enem consulta pública disponível

Para opinar em relação ao futuro do Enem, será preciso fazer um rápido cadastro. Cada participação será computada apenas uma vez. A Consulta Pública possui três perguntas objetivas; que abordam alternativas de mudanças dos dias de aplicação de provas e possibilidade de aplicação por computador; e uma discursiva, na qual o cidadão poderá dar sugestões para aprimoramento do exame.

Os interessados em participar, poderão acessar a página da Consulta Pública, no portal do Inep.

Exame Nacional do Ensino Médio – Enem

Mais de cinco milhões de candidatos realizaram o Enem 2016, que abre as portas do ensino superior brasileiro.

Aproximadamente 2,5 milhões de estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016 inscreveram-se no Sisu deste primeiro semestre de 2017.

Como o SISU permite que o candidato faça apenas duas opções de curso, o número de inscrições chegou a quase 5 milhões.

A oferta é aproximadamente de 238 mil vagas de graduação, em cerca de 6,4 mil cursos de 131 instituições de todo o país. Por meio do Sisu, sistema on-line do Ministério da Educação, instituições públicas de educação superior oferecem vagas a candidatos com base nas notas obtidas no Enem.

Se não for selecionado para o Sisu o que fazer?

Enem 2017

Em breve será lançado edital do Enem 2017, que terá pequenas alterações para esta edição. Aproveite para se preparar com antecedência para essa prova nacional que envolve milhares de jovens brasileiros.

Dicas de Estudo Enem e Vestibulares

Dicas de Estudo para Biologia;

Dicas de Estudo para Física;

Dicas de Estudo para Química;

Dicas de Estudo para Matemática;

Como se dar bem na Redação do Enem

Dicas para a Redação do Enem: clareza

Dicas para a Redação do Enem: coesão

Dicas para a Redação do Enem: concisão

Importância da correção gramatical

Importância da formalidade e uniformidade

Acesse Provas de outras edições do Enem para revisar seus estudos e garantir uma boa nota no Exame.

Edital Enem 2017

27 de dezembro de 2016

Edital Enem 2017 será publicado em fevereiro, de acordo com a assessoria do Ministério da Educação (MEC); com informações referentes à realização do Exame Nacional do Ensino Médio.

No início do mês de dezembro, o MEC informou que algumas mudanças serão implantadas nas próximas edições do Enem. Com a divulgação do edital, além de saber prazo de inscrições e datas de provas; o estudante ficará sabendo quais mudanças deverão valer para 2017 para o exame nacional.

Edital Enem 2017

As mudanças propostas, segundo o MEC; são para que o Enem se adapte ao novo modelo do ensino médio, sugerido pela Medida Provisória (MP) 746/2016; e serão definidas de acordo com uma consulta pública que deverá ser lançada no site do ministério até o dia 10 de janeiro de 2017. Algumas alterações deverão ficar para 2018.

Abaixo as principais mudanças para o Enem 2017 que já foram veiculadas:

1-Exclusão na emissão do certificado de conclusão do ensino médio, através do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e a possibilidade na reativação do Encceja, exame próprio para esta finalidade;

2-Exclusão dos candidatos treineiros, alunos matriculados no Fundamental II e nas duas primeiras séries do Ensino Médio no ano letivo de 2017, não poderão se inscrever nas próximas edições do Enem;

3- O candidato terá limites de até três (3) pedidos na declaração de isenção e na quarta tentativa terá que pagar a taxa de inscrição (oficial); em virtude da alta percentagem de ausência dos candidatos nesta situação no Enem;

4- O Exame Nacional do Ensino Médio contará com quatro modelos de provas nas próximas edições:
a-Simulado para os candidatos ” treineiros ” em Julho/2017;
b-Enem – Sistema Universal em Outubro/2017;
c-Enem – Sistema Prisional (PPL) em Dezembro/2017;
d-Enem (curinga) em caso de adiamento por interrupção de energia elétrica, falhas nos locais de provas, ocupações ou algo que possa colocar riscos na aplicação das provas do exame.

5- O MEC estuda excluir a plataforma da Hora do ENEM e do Geekie Games nas próximas edições do exame;

6- O INEP, órgão responsável pelo Enem analisa aumentar o valor da taxa de inscrição do Enem de R$68 para R$74 na edição de 2017;

7-O INEP/MEC avalia ainda se haverá possíveis mudanças no formato das provas (pretende diminuir as questões e aplicar em um dia) e os candidatos inscritos como ” sabatistas ” poderão obter outro modelo de prova e será aplicado em uma outra data. Há um indicativo do Ministro em retirar a redação do Enem, informação que não foi confirmada.

Enem 2016

As notas da última edição do Enem serão utilizadas para os programas federais de ensino que dependem desse resultado que são Fies, SiSU e ProUni.

Sisu edição 2017

As inscrições junto ao Sisu para selecionar candidatos para as diversas Instituições Federais estarão disponíveis a partir de 19 de janeiro de 2017; após a divulgação do Resultado do Enem edição 2016 pelo Inep.

Após as chamadas regulares do processo seletivo, o Sisu disponibilizará às instituições participantes uma Lista de Espera a ser utilizada prioritariamente para preenchimento das vagas eventualmente não ocupadas.

Para participar da Lista de Espera do Sisu; o candidato deverá manifestar o interesse no prazo especificado no cronograma do processo de seleção.

Consulte outras Instituições que já lançaram vagas para o Sisu edição 2017.

Aproveite para verificar Instituições e notas de Corte do Sisu da última edição

As Instituições mais procuradas no Sisu;

-Os cursos que mais receberam inscrições para o Sisu e as respectivas notas de corte;

-As maiores notas de corte para o Curso de Medicina, DireitoEngenharia e Administração.

Enem 2017 Inep

24 de novembro de 2016

Enem 2017 Inep, pois a prova nacional que envolve milhares de jovens brasileiros é organizada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira.

Enem 2017 Inep

O Enem foi criado pelo Inep em 1998, com o objetivo de avaliar o Ensino Médio brasileiro. A partir de 2009, ele sofreu alterações; que deram a ele o objetivo de selecionar candidatos para o ensino superior gratuito; nas diversas universidades e institutos federais de educação. Acesse a relação de instituições públicas brasileiras.

Veja abaixo para que serve o Enem:

Conforme informações do Inep, o Enem servirá para garantir:

1-Vagas no Sisu edição 2017: Pela nota no Enem o candidato disputará vagas em universidades públicas e gratuitas através do Sisu; Sistema de Seleção Unificada. Veja aqui o que é o Sisu, e como você usa a nota do Enem para concorrer em universidades públicas no Brasil inteiro.

2-Bolsas pelo Prouni: A nota do Enem valerá para seleção de bolsas de estudo pelo Prouni, Programa Universidade para Todos, nas Faculdades privadas. Bolsas de 100% ou de 50% do valor das mensalidades. Veja aqui o que é o Prouni.

3-Bolsa de Estudos no Exterior: O candidato que conseguir mais de 600 pontos poderá disputar ainda vagas para estudar de graça no exterior pelo programa Ciência Sem Fronteiras. O programa passará por reestruturação e terá alterações, mas será focado também para o Ensino Médio.

4-Financiamento Fies: O candidato que quiser estudar em Faculdade particular e optar pelo financiamento pelo Fies- Programa de financiamento Estudantil, também é preciso ter feito o Enem. O candidato estuda primeiro, e só paga depois que terminar a graduação.

5-Vagas no Pronatec: Cursos Técnicos Gratuitos nos Institutos Federais. A nota no Enem valerá também para disputar vagas no Programa Nacional de Acesso a Cursos Técnicos, o Pronatec. São duas etapas de inscrição por ano, com o mesmo procedimento utilizado para disputar as vagas das universidades no Sisu.

6-Certificado do Ensino Médio: Para o candidato que tiver mais de 18 anos de idade até a data da prova em cada ano; e que não tiver ainda concluído o Ensino Médio; pode até mesmo tentar tirar o Certificado do Ensino Médio com o resultado da prova. Para eles o Enem funciona como se fosse um Exame Supletivo e essa opção deve ser informada no momento da inscrição junto ao Enem.

Edital Enem 2017

Acesse aqui e veja a previsão do Edital do Enem edição 2017. O Enem sofrerá alterações para a edição de 2017, de acordo com informações do Ministério da Educação. Acesse aqui e veja as primeiras informações relativas à mudança que será anunciada em breve pelo MEC.

Veja notas de corte e Instituições mais procuradas no Sisu

Acesse aqui as Instituições mais procuradas no Sisu;

Acesse aqui os cursos que mais receberam inscrições para o Sisu e as respectivas notas de corte.

Veja as maiores notas de corte para o curso de Medicina.

Dicas para estudos Enem 2017:

-Acesse provas de outras edições do Enem para revisar seus estudos;

-Analise os temas de redações que caíram em outras edições do Enem;

–Dicas para redação nota 1000 no Enem;

-Acesse outras dicas para Redação do Enem.